Pular para o conteúdo principal



Frizz: Como controlar o cabelo arrepiado .

Quando o assunto é frizz, poucas mulheres podem bater no peito e dizer: “não tenho”. Dos crespos aos lisos, esse “comportamento rebelde” costuma aparecer em todos os tipos. “O frizz vem da desidratação, mas nem sempre o arrepiado é de um cabelo que está desidratado. Pode ser fios que cairam, nasceram de novo e estão curtos”, comenta Marcelo Brito, hairstylist do Studio Tez (SP).
Ou seja: ninguém está imune! Ainda bem que alguns visuais celebram uma tendência eriçada, como a trança boxeadora do momento... Mas, no geral, nosso desejo máster é controlar os fios revoltados. Conheça, então, as últimas novidades na luta - de ativos naturais a inovações em fórmulas cosméticas.
Óleos e + óleos
Sim, eles bombaram há alguns anos (lembra do argan?) e ainda continuam importantes no combate antifrizz. Os óleos minerais, vegetais e essenciais, ajudam muito a reverter a porosidade e falta de umidade do cabelo eriçado. “Destaco o de monoii, indicado para trazer de volta os fios para seu estado natural, com umectação”, afirma Olivier Costa, hairstylist do Espaço Vip (RJ).
Olivier também indica o óleo de avelã, que impede a perda de água do fio, e o óleo vegetal hidrolisado, que confere boa hidratação. Pra quem não quer peso nos fios, Olivier indica o óleo de baobá, que é hidratante e emoliente, não deixa o cabelo com aspecto pesado.
“Gosto muito do óleo de coco, uma alternativa para quem quer fazer uma boa hidratação, repor vitamina E, K e ácidos graxos. Uma dica é tomar cuidado para que não alcance a raiz para não ficar oleosa”, acrescenta.
Ácido glutâmico
O ativo é usado em escovas químicas, mas não é essa a intenção neste caso. Tenha em mente xampus, condicionadores, máscaras, colorações e afins com o aminoácido na fórmula. A sua função é proteger o filme hidrolipídico do fio, impedindo ação da umidade externa.
“O ácido glutâmico que está dentro da cadeia dos aminoácidos é responsável pelo fortalecimento capilar. A combinação com óleos para drilblar o ressecamento indesejado, como óleo de prímula, rico em ômega 6, também ajuda”, afirma Olivier.
Escova ionizada - aka escova mágica
Os íons são outras figuras mágicas no combate do frizz. Geralmente, no cabelo desgastado, é normal as cutículas estarem abertas. “Essas partículas ajudam na selagem dos fios, alinhando as cutículas, fazendo com que elas fechem e deixe o fio brilhante e uniforme”, afirma Marcelo. Então, claro, todo equipamento que tenha a tecnologia ajuda muito a eliminar os arrepiados.


Uma novidade é a escova Braun Satin Hair 7 Iontec, que promete redução de frizz e mais brilho. Funciona assim: você aperta um botão e milhões de íons são emitidos, penetrando no cabelo e eliminando a eletricidade estática dos fios. Essa belezinha ainda não chegou no Brasil, mas já existe há algum tempo lá fora.
Clear conditioner
A maioria dos xampus contêm sulfato na fórmula. Esse ingrediente abre a escama do fio, o que pode deixá-lo ressecado. Por isso, Marcelo indica o clear conditioner pra madeixas grossas, cacheadas ou onduladas. “É um condicionador de limpeza que substitui o xampu. Vai limpar o fio e hidratar”, afirma. Enriquecido com extrato natural de banana, óleo de jojoba, mentol e chá verde, o condicionador pra cabelos oleosos nutre enquanto equilibra a oleosidade, promovendo hidratação intensa.


Blindagem de carbono
reposição de carbono é indicada por Olivier. O cabelo é composto por cerca de 45% de carbono. Conforme esse mineral se decompõe, vale a pena fazer uma aplicação pra fortalecer a ligação de aminoácidos/proteínas, o que potencializa futuras hidratações. “Eu gosto muito, mas depende de avalição de um profissional”, afirma.
Queridinhos
O frizz sempre é alvo de muitas empresas da cosmética capilar. As últimas novidades que mercem destaque é o leave in One United, da Redken (preço sugerido: R$ 154). A novidade tudo em um chegou no Brasil no início de 2016. Ele oferece 25 benefícios para todos os tipos de cabelo em um só frasco com resultados instantâneos no toque, no visual e na rotina de cuidados. Uma das promessas é eliminar o frizz. Detalhe: pode ser reaplicado a qualquer hora e em todo lugar.


Um pouquinho mais antigo, o Fluidissime, da Kérastase (preço sugerido: R$ 185), chegou por aqui em meados do ano passado. O spray translúcido finalizador envolve toda a fibra capilar e promete domar até o frizz mais rebelde. Sem enxágue, pode ser aplicado sobre cabelos secos ou úmidos.

Tratamento de salão + home care
A L’Oréal Professionnel acaba de lançar um tratamento de recuperação capilar que promete durar até 6 semanas, o Pro Fiber. São duas etapas: a primeira, no salão, em que o ritual é feito pelo cabeleireiro; a segunda é a feita em casa, por meio de xampu e ampolas da linha. A promessa é que um complexo de moléculas fica fixado na fibra capilar e, quando a gente usa os itens home care da linha, esse complexo atrai os agentes de tratamentos pra dentro fio, renovando o tratamento.

 por GEIZA MARTINS 

Postagens mais visitadas deste blog

Unhas cromadas: a tendência está de volta (e com nova técnica!)

Unhas cromadas: a tendência está de volta (e com nova técnica!)



Está viralizando na internet uma nova técnica de unhas decoradas pra alcançar o tão desejado efeito cromado – aquelas prateadas e douradas com efeito metálico espelhado. O que antes era conseguido apenas com adesivos de unhas (as famosas Minx Nails, que bombaram em 2010, lembra?!), agora é possível graças a um micro glitter que, aplicado à unha, dá esse mesmo efeito com uma durabilidade incrível.
Versões do pó cromado (ou chrome powder, pras gringas) estão se esgotando em sites especializados lá fora – alguns deles vendem por quilo! – e manicures estão fazendo sucesso nas redes compartilhando as unhas das suas clientes.  


O segredo quem nos ensina é Yvett (@yvynails), famosa manicure de Los Angeles: “Após aplicar o esmalte de textura em gel (a cor preta vai deixar o resultado ainda mais brilhoso), deixo secar por apenas 3 minutos e aplico o pó cromado usando uma esponja tipo aplicador de sombra pros olhos. Pressiono o pó, es…

Aposte no poder das frutas para máscaras faciais caseiras

Aposte no poder das frutas para máscaras faciais caseiras

Se você já come muita fruta, se prepare para encher ainda mais o carrinho do supermercado: as máscaras caseiras, aposta frequente de quem prefere não passar perto de farmácias e lojas de manipulação de cremes, nutrem, refrescam e revitalizam a pele.
“É aconselhável aplicar a máscara de frutas no rosto durante a noite", orienta a naturopata Thais Sampaio, alertando para o fato de que é indicado evitar que a acidez natural da fruta entre em contato com o sol e acabe prejudicando a pele.
Abaixo, confira receitas caseiras de máscaras para aplicar à noite (e evitar que a acidez natural das frutas prejudique a sua pele com sol!): Máscara de abacate
Descasque e corte o abacate em pedaços. Amasse e misture com soro fisiológico até formar um creme homogêneo. Aplique no rosto e deixe agir por 20 minutos. Enxágüe com água morna. Indicada para pele seca.
Máscara de maçã
Rale meia maçã gelada e misture com uma colher de farinha de trigo e du…

Além dos lábios: o gloss agora deve ser usado no rosto

Além dos lábios: o gloss agora deve ser usado no rosto

O mandamento desta estação é abraçar o gloss - não nos lábios, mas no rosto. Poucas tendências foram tão fortes nos backstages das semanas de moda internacionais quanto a pele "molhadinha" e as pálpebras glossy.
É uma evolução do iluminador (no caso do rosto), e da sombra cremosa (nos olhos). O gloss leva o visual a outra dimensão, amplificando o brilho.
A top maquiadora Val Garland teoriza: "Ele oferece uma luz que parece vir de dentro, capaz de dar o efeito de pele natural que toda mulher deseja".

O truque é usar o gloss de boca transparente, aplicado com batidinhas no alto da maçã do rosto ou um toque no centro das pálpebras.
Iluminador de olhos e rosto Intense, R$ 23, O Boticário, Face Gloss US$ 25, MAKE e Lip Gloss cor Triple X, R$ 136, Nars 

por VICTORIA CERIDONO